domingo, 13 de maio de 2012

Às vezes, só dás conta do impacto do que pensas, quando acabar por
o dizer a alguém... Em voz alta... Quando ouves as tuas próprias palavras
aquela que parecia apenas uma ideia, passa a ser um compromisso...
Um compromisso que até nem querias assumir, mas já foi dito...

E enquanto estava por aqui a escrever, a ideia de suicidio atravessou-me
o pensamento... O suicídio por exemplo do passos coelho, com o cinto
apertadinho, ao pescoço, assim em tom de austeridade e de poupar...

Sem comentários:

Enviar um comentário

Às vezes dá aquela vontade muito miudinha de desaparecer... Desaparecer porque nos resta nada... Não há esperança, não há mais caminhos, não...