quinta-feira, 12 de abril de 2012

Não tenho essa coisa de me arrepender de ter gostado e confiado nas pessoas que já me não dizem rigorosamente nada... Foram cruciais para o meu desenvolvimento, ou a falta dele em algumas situações... Mas se me arrependesse teria de admitir que não sei escolher bem as pessoas e não podia continuar a confiar em todas as pessoas em quem confio...

Sem comentários:

Enviar um comentário

Às vezes dá aquela vontade muito miudinha de desaparecer... Desaparecer porque nos resta nada... Não há esperança, não há mais caminhos, não...