segunda-feira, 16 de maio de 2011

Pequeno infinito

' Amo todos os sonhos que se calam
de corações que sentem e não falam,
tudo o que é infinito e pequenino.'

Quando o 8 se deita, torna-se infinito...

Sem comentários:

Enviar um comentário

Às vezes dá aquela vontade muito miudinha de desaparecer... Desaparecer porque nos resta nada... Não há esperança, não há mais caminhos, não...