quarta-feira, 9 de novembro de 2011

Sei que tudo ser em vão é triste, mas é.

"Aqui estamos, animados dos mesmos desejos, guiados pela mesma consciencia: que cada um contribua para a fogueira comum com a sua chama pessoal..." Era bonito se assim fosse... Já não é, talvez já tenha sido, não sei. E acaba tudo por ser em vão, porque o que realmente vale a pena arde harmoniosamente.

2 comentários:

Às vezes dá aquela vontade muito miudinha de desaparecer... Desaparecer porque nos resta nada... Não há esperança, não há mais caminhos, não...