domingo, 12 de janeiro de 2014

Saudade

Sentado à lareira de sempre sentia-se invadido por uma nova saudade... Desorientado no desconhecido de uma saudade que nunca fora tão sua por ali ficou a pensar no que poderia fazer... Não poderia fazer nada... Ali se deixou continuar até sentir a saudade tão sua... Abraçou-a e deixou-se embalar por um sono deles... Fez o melhor partilhou com ela os seus sonhos e pelo menos enquanto dormia sabe-se ter sido feliz!!

2 comentários:

  1. Vai na volta é saudades de uma passado que nunca existiu e de um futuro que nunca existirá ;) Saudades do que nunca foi parece-me bem... Beijo

    ResponderEliminar