terça-feira, 13 de dezembro de 2011

Do dito pelo nao dito

Daqui, do sitio onde nos sentamos a analisar as nossas opçoes, de onde nos sentamos a lamentar ter arriscado tão pouco, aqui sentados, damos conta e ponderamos o que teria sido se tivessemos feito diferente. Aqui sentados... Mas quando as coisas são feitas fora deste lugar seguro parecem muito mais dificeis... E nessa altura sentimos que nem sequer deviamos ter arriscado tanto, sentimos que deviamos ter dito outra coisa... Digo eu.

Sem comentários:

Enviar um comentário

Soltamos das paredes da imaginação o quadros com os sonhos... Caminhamos por caminhos que nunca tinham sido nossos... Deixamos quem éramos l...